quinta-feira, 20 de março de 2008

Páscoa

Há tempos atrás, o sentido dá páscoa vem mudando. São dados ovos de chocolate às pessoas queridas e queremos bem. Qual o porquê dos ovos? Na França antiga, os amigos se presenteavam com ovos de galinha. Mas os ovos não eram para ser comidos, eram apenas um presente que simbolizava o início da vida. No século X, na Inglaterra, os ovos de páscoa ficaram ainda mais sofisticados! O rei Eduardo costumava presentear a realeza e seus súditos com ovos banhados em ouro ou enfeitados com pedras preciosas. Dá para imaginar o porquê de essa prática não ter tido muito sucesso. Somente após 800 anos, os franceses trataram de inventar os ovos achocolatados, vale ressaltar que o chocolate era uma iguaria vinda da recém-descoberta América.
De onde veio o coelhinho da páscoa? Surgiu entre os povos pagãos durante a Idade Média na Europa. Eles celebravam a deusa da primavera (Ostera), ela segurava um ovo em sua mão e observava um coelho, representante da fertilidade, pulando alegremente ao redor de seus pés.
Certo. Fertilidade vinda do coelho, início da vida representada no ovo. Está aí o sentido da páscoa que muitos não sabem ou não lembram. O sentido cristão da páscoa, que para mim é verdadeiro sentido, não foi tão deturpado pelos pagãos. A essência dela estava presente em cada festejo, símbolo ou iguaria.
O início de uma vida nova doada por Jesus anos atrás, uma oportunidade de arrependimento e começar algo novo e diferente. É assim que é comemorada a páscoa cristã... com a morte e ressurreição de Jesus.
Não percamos de vista esse sentido maravilhoso que tem a páscoa.

Beijos e carinhos,
Ana Raquel

Nenhum comentário: