sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Ano novo vida nova?

Dizem que, quando um ano novo chega, a vida nova tambem chega,.. será que é assim mesmo? Eu em minha sã consciência acho que nao... ano novo: tudo se repetindo de novo... porra!!! será o benedito?? Mulher é bicho besta mesmo... POis bem...ninguém me entende mesmo... vou contar desde o inicio... Tudo começou quando eu conheci esse tal de Junior... Rapaz muito gente fina... me senti momentaneamente segura ao estar com ele. Ele me leva a lugares legai, me apresenta os amigos, me leva a lugares sociais. E isso é suficiente? Deveria ser, ne? Mas depois e uma tal inventada decepção, tudo mudou... tudo tem que ser comprovado e comprovado novamente... ainda mais depois de tudo o que eu ouço...temto não "ouçar". Pois bem.. tudo começa numa segunda feira, dia 14 de janeiro de 2013, quando meu amado Junior diz que vai visitar uma amiga chamada Amanda que fazia tempos que ela chama ele para conversar... eis que ele me solta tempos atras que ela mora só e é mulher independente (nao que eu seja contra tudo isso... adoro me relacionar com mulheres independentes... mas nao me sinto a vontade que o homem que eu gosto se relacione com mulheres independentes, assim como eu sei que ele nao gostaria que eu me relacionasse com homens independentes que morassem so)... pois bem... issso aconteceu... ele foi...e foi conversar... Nao pensei nada além da conversa... porém, minhas amigas perguntaram aonde estava o rapaz de quem eu tanto falava e parecia estar tão apaixonada e eu falei que ele foi atender a um pedido de uma amiga que queria conversar... elas começaram a me interrogar quem era... se eu a conhecia... se eu sabia coisas dela... com quem ela morava... se ela era de confiança... a partir daí, tudo começou a fluir em minha mente... Puxa vida... O relacionamento estava um MAR DE ROSAS... fazia tempo que nao me sentia assim... e tudo de ruim começou a minar devido a o que eu tinha ja vivido anteriormente ... divisao de coisas indivisíveis... Acho que nesse aspecto sou beeeeemmmmmm "canhenga"... nao gosto de dividir esssas coisas... mas esse pensamento passou... coisa da cabeça das minhas amigas que colocaram dentro da minha própria cabeça: coisa que nunca tinha acontecido... sempre tive minha própria opinião com relação a isso e nunca pensei maldade... Se bem que o dia do nunca chegou... depois d emuito tempo sem pensar em tal assunto, eis que hoje, nao sei que dia é,... sei que a sexta foi dia 25 e sabado dia 26, veio tudo isso na minha cabeça... nao sei como o assunto veio à tona... sei que falei e lembre e me feriu... perguntei o q ele pensava de eu visitar umanigo independente e talz e citei a tal Amanda... ele nao se justificou e nem nada... so ficou VISIVELMENTE chateado por eu ter tocado no assunto e nem tachu direito me deu ao me deixar em casa e nasa... foi bem frio e grosso com todo o falar direcionado a mim... Aí fica tudo bem mais claro na minha mente: Estou, novamente, dividindo o indivisivel.... :( sem saber o que realmente fazer, Ana Raquel Melo Cutrim

Nenhum comentário: