segunda-feira, 14 de março de 2011

DIAS DA VIDA DE VIOLETA (Parte 8)

Ela ficou muito ansiosa. O Avião pousou, ela foi logo se levantando, passou pela migração, pegou sua mala, passou pela policia federal, trocou algum dienheiro para o real e se encontrou coma tia. Essa foi a companhia de Violeta por 10 horas. Elas conversaram muito. riram muito. Ela fez muito bem à pobre Violeta que estava de coração partido.
Ela não queria sair do aeroporto para que nenhum empecilho a atrapalhasse de chegar em seu destino. Assim que sua tia teve que retornar à sua casa, Violeta sentiu-se sozinha e deprimida. E, para completar toda a sua ansiedade, foi anunciado o atraso de 2h no voo do Rio de Janeiro para São Luís. Finalmente deu a hora de embarcarem. Ela entrou feliz no avião e mal esperava chegar em sua cidade. O voo pareceu muito mais longo e mais cansativo que o dos EUA pro Brasil. Ela tentou dormir, ler livro, escutar musica. Mas nada a ajudou. Então ela resolveu lembrar de todos os momentos bons que ela vivei nos últimos 2 anos de sua vida. Ela sorria e chorava ao mesmo tempo. Ja estava sentindo saudades dos dois garotinhos que ela cuidou. Ja estava morta de saudades das amizades que fez por lá e, logicamente, do seu amado Bernardo. Ela despencou em aguas ao pensar em Bernardo, ao pensar também no filho que teriam. Ela não estava bem, até a comissária de bordo percebeu a sua inquietude e mal estar e lhe ofereceu água. Pareceu uma eternidade esse voo.
Ao ouvir o anuncio que dentro de alguns instantes pousariam no aeroporto internacional Marechal Cunha Machado, Violeta enxugou as lagrimas e limpou seu rosto, afinal, sabia que seus pais estariam por lá e não queria preocupá-los. Ela desceu do avião, pegou as malas e ja viu um monte de gente a esperando de longe! Assim que saiu no portao de desembarque, foi so alegrias. Estavam lá vários amigos e todos da familia! Nem ela sabia que era tão importante. Se bem que ela preferia que ninguém estivesse por la, queria que ninguém a visse.
Foram pra casa e conversaram muito. Porém Violeta esta muito cansada e acabou adormecendo. No dia seguinte, ao acordar, tentou em vão arrumar suas coisas. Preferiu, então visitar seu vovozinho que estava muito adoentado. Ela conversou muito com seu vozinho. Ele nem a reconheceu de primeira, mas depois de muito conversarem ele lembrou dela, o que trouxe alegria :)
Vários amigos começaram a ligar e a marcar algo para poderem ver sua amiga que havia tempos nao olhavam. Marcaram entao de se encontrarem no sabado na pizzaria que Violeta mais gostava! E la ela encontrou varios amigos. Todos eles estavam com uma lembrancinha linda pra ela. Ate uma cesta com coisas que Violeta mais gostava ela ganhou. Estava muito feliz. Mas era so tocar no assunto Bernardo que o humor dela mudava do vinho pra água. Seus amigos perceberam, alguns sabiam do que havia acontecido, não todos. Eles então resolveram nao perguntar mais sobre o exnamorado e em que fim se deu pela expressão de violeta, eles ja sabiam que nao estavam mais juntos e que Violeta nao estava feliz com isso.