quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Meu estandarte

Fiz um grande estandarte!
E nele coloquei todos os sentimentos;
Nao somente os que senti
Pus tambem os que menti nao sentir.
Coloquei depois coisas do futuro;
Nao como se eu o pudesse prever,
Mas sim o que espero nele ter.
Fiquei olhando por um istante
E comecei a comparar tudo;
Vi que tudo foi muito marcante,
Tudo por completo… muito marcante…
Perdi e ganhei muita coisa nesse tempo.
Entao percebi que havia um desequilibrio.
Quero conserta-lo, mas nao consigo!
Nao por agora… talvez depois
Num futuro que nao esta distante.
De estandartes de metas ja tenho dois!
Meu alvo ja esta escrito em meu pendao,
Basta apenas, em tempos de dificuldade,
Para o que nao faz bem, dizer nao.
Ana Raquel

Nenhum comentário: